Alguma Coisa (sempre) Está Fora da Ordem

Oito de agosto de 2008, data que marcou o início dos XXIX Jogos Olímpicos da Era Moderna. Na Grécia da antigüidade, os jogos representavam também um período de trégua entre as cidades-Estado da época, ou seja, simbolicamente os conflitos eram “transferidos” às disputas em Olímpia. Ultimamente – e também simbolicamente – o Comitê Olímpico Internacional e a Organização das Nações Unidas têm trabalhado em conjunto para que o período em que são disputadas as Olimpíadas seja também de trégua entre povos e países em conflito. Convém repetir: simbolicamente.

Oito de agosto de 2008: dia do início das hostilidades entre os russos e os georgianos. Fontes bem informadas (?) contabilizam 2000 mortes só em uma cidade da Geórgia. O governo de Moscou acusa o de Tbilisi de limpeza étnica, russos que estariam sendo perseguidos em território daquele país do Cáucaso. Tbilisi acusa Moscou de financiar os movimentos separatistas da Abkhazia e da Ossétia do Sul, região esta que é a pivô destas hostilidades.

Família foge de conflito na Ossétia do Sul (Fonte: AE)

Quando idealizou o retorno dos Jogos, no final do século dezenove, Pierre de Coubertin também pretendia resgatar o que era realizado durante os jogos da Grécia antiga, o de haver uma trégua nas guerras existentes pelo mundo enquanto decorriam as Olimpíadas. Pelo visto, isso não irá acontecer tão cedo. Todas as edições dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, desde 1896, tanto as de verão quanto as de inverno presenciaram conflitos. Três edições (1916, 1940 e 1944) foram canceldas por este motivo. Além disso, inúmeras outras edições serviram de campos de batalha!

Força Pública chinesa guarda o Estádio Olímpico de Pequim (Fonte: France Presse)

Isso que um dos países deste conflito em questão é a Rússia, maior país do planeta, membro do G-8 e herdeira do vasto arsenal da ex-URSS. E os demais que existem pelo mundo todo, raramente divulgados ou que sequer se sabe ou se considera? Darfur, Afeganistão, Aceh, Mauritânia, Somália, Burundi. São inúmeros os exemplos, longe da trégua, mais longe ainda da paz, dos direitos humanos, enfim, sempre fora da ordem.

0 Responses to “Alguma Coisa (sempre) Está Fora da Ordem”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Virgilio’s Tweets

Esses Dias na História

14 de Agosto

1974 – Nasce Ryan Gracie, grande responsável pela expansão dos negócios da família com academias de Jiu-Jitsu Brasileiro.

15 de Agosto

1823 – Adesão da Província do Grão-Pará ao Império do Brasil.

16 de Agosto

1992 – O inglês Nigel Mansell torna-se campeão mundial de pilotos de Fórmula 1

17 de Agosto

1979 – Fundada a Associação Nacional de Jornais do Brasil, com o objetivo de defender a liberdade de imprensa

18 de Agosto

1964 – A África do Sul é banida dos Jogos Olímpicos pelo COI por não renunciar ao regime de apartheid (política de segregação racial)

19 de Agosto

1981 – Entra no ar o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT).

20 de Agosto

2016 – O Brasil conquista a medalha de ouro no futebol masculino dos Jogos Olímpicos.

21 de Agosto

1991 – Tentativa de golpe na URSS: a junta é dissolvida e Mikhail Gorbachev recupera o poder. O parlamento da Letônia proclama sua independência da URSS.

22 de Agosto

1910 – Anexação da Coreia pelo Japão, o que quase extinguiu a cultura coreana.

23 de Agosto

1987 – O Brasil conquista a medalha de ouro no basquetebol masculino nos Jogos Pan-Americanos.

Blog Stats

  • 144.581 hits

#CulturaDeRugby


%d blogueiros gostam disto: