Malvinas / Falklands

Detalhe da camisa do Ferro Carril no jogo contra o River Plate, no dia 30 de Março

Detalhe da camisa do Ferro Carril no jogo contra o River Plate, no dia 30 de Março

Hoje faz 30 anos do início da tentativa argentina, por meio militar, para a retomada das Ilhas Malvinas – sob domínio britânico -, arquipélago com mais de 700 ilhas no Atlântico Sul, que os ingleses chamam de Falklands.

Ao fim de pouco mais de 2 meses a guerra termina com a vitória britânica. Thatcher fortalecida no Reino Unido, cujo governo duraria até o final daquela década de 80. Regime Militar enfraquecido na Argentina, que terminaria em dezembro do ano seguinte, 1983. Rompimento de relações diplomáticas entre Reino Unido e Argentina. Ódio. Desconfiança. Apesar do seu término, a guerra continuava no plano político e esportivo. Uma vitória Argentina simbolicamente representa(va) um retorno Sul-Americano às Ilhas. Uma vitória britânica (sobretudo inglesa) simbolicamente representa(va) a manutenção do arquipélago como Falklands.

Isso aconteceu em algumas modalidades. No fim dos anos 80, quando Inglaterra e Argentina voltaram a se enfrentar no rúgbi, os jogos eram marcados pelas lembranças à guerra de 1982. Entretanto, exemplos mais conhecidos são os do futebol: Osvaldo ‘Ossie’ Ardiles atuava pelo Tottenham quando Galtieri (presidente da Argentina à época) ordenou a retomada das Malvinas. No dia seguinte, em jogo contra o Leicester, a torcida adversária o hostilizava, mas a do Tottenham gritava: “Ossie, Ossie, Ossie…Argentina!”. Ademais, Ardiles não conseguiu terminar a temporada de 1982 em função do clima hostil entre os dois países, além de ter tido um primo morto naquela guerra. ‘Ossie’ ainda voltou para o Tottenham em 1984, ajudando o clube na campanha para a conquista da Copa da UEFA (atual Liga Europa) de 1984.

No entanto, não há melhor exemplo do que o Inglaterra-Argentina do Mundial FIFA 1986 e a vitória alvi-celeste por 2 a 1, com 2 gols de Maradona. Um, de mão. O outro, não há palavras para descrever. Apenas veja e sinta o significado desta rivalidade através da narração de Victor Hugo Morales:

Enquanto na política, na economia e na diplomacia houver diferenças, o esporte sempre será instrumento – simbólico – que poderá representar a superioridade do dominado sobre o dominador.

0 Responses to “Malvinas / Falklands”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




Virgilio’s Tweets

Esses Dias na História

14 de Agosto

1974 – Nasce Ryan Gracie, grande responsável pela expansão dos negócios da família com academias de Jiu-Jitsu Brasileiro.

15 de Agosto

1823 – Adesão da Província do Grão-Pará ao Império do Brasil.

16 de Agosto

1992 – O inglês Nigel Mansell torna-se campeão mundial de pilotos de Fórmula 1

17 de Agosto

1979 – Fundada a Associação Nacional de Jornais do Brasil, com o objetivo de defender a liberdade de imprensa

18 de Agosto

1964 – A África do Sul é banida dos Jogos Olímpicos pelo COI por não renunciar ao regime de apartheid (política de segregação racial)

19 de Agosto

1981 – Entra no ar o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT).

20 de Agosto

2016 – O Brasil conquista a medalha de ouro no futebol masculino dos Jogos Olímpicos.

21 de Agosto

1991 – Tentativa de golpe na URSS: a junta é dissolvida e Mikhail Gorbachev recupera o poder. O parlamento da Letônia proclama sua independência da URSS.

22 de Agosto

1910 – Anexação da Coreia pelo Japão, o que quase extinguiu a cultura coreana.

23 de Agosto

1987 – O Brasil conquista a medalha de ouro no basquetebol masculino nos Jogos Pan-Americanos.

Blog Stats

  • 144,520 hits

#CulturaDeRugby


%d blogueiros gostam disto: