Cidades Sul-Americanas do Futebol

Na Europa, com a exceção de Madrid e há algum tempo Amsterdã e Lisboa, os clubes campeões das Liga dos Campeões da Europa são de cidades que não são capitais de Países. Na América do Sul o processo é inverso. Alguns vão me dizer: São Paulo , Belo Horizonte , Porto Alegre não são capitais de Países. Entretanto o Brasil é exceção em função da dimensão territorial, o que aumenta a descentralização e algumas capitais estaduais serem tão ou mais importantes que a Capital Federal, Brasília.

Levando isso em linha de conta, qual portanto na América do Sul são os únicos clubes campeões da Taça Libertadores da América que são do interior do País? Colômbia, duas vezes: a primeira com o Atlético Nacional, de Medellín, em 1989 e a segunda vez com o Once Caldas, de Mañizales, em 2004. Santos é muito próxima a São Paulo (como se fosse Região Metropolitana) e não a consideraremos como sendo do “interior”, mesmo porque a cidade é litorânea. Avellaneda, na Argentina, cidade de Racing e Independiente, é parte da Grande Buenos Aires, e por isso também não a consideramos como sendo interior.

No Chile, o Colo-Colo, da capital Santiago, já foi campeão. Em Buenos Aires, são vários os campeões, com ou sem Racing e Independiente, ambos de Avellaneda. No Equador, a LDU, campeã em 2008, é da capital Quito. Os clubes montevideanos Nacional e Peñarol representam o Uruguai. Em Assunção, Paraguai, temos o Olímpia tricampeão. Todos de capitais de Países. Clubes do interior que chegaram mais próximos foram Newell’s Old Boys (Rosário/ARG), América e Deportivo (Cáli/COL) e Cobreloa (Calama/CHI). Clubes do interior, campeões da Libertadores, apenas os 2 supracitados. No entanto suas cidades não são menos importantes (Medellín e Mañizales).

Atlético Nacional de Medellín, Campeão da Libertadores em 1989 (elespectador.com)

Atlético Nacional de Medellín, Campeão da Libertadores em 1989 (elespectador.com)

Entender por que isso acontece de maneira inversa à da Europa é compreender a história desses Países. Na América do Sul, o crescimento destes Países já se deu em período da revolução industrial (aproximadamente 1850-1900), quando a cidade mais importante do País concentrava a elite política (por isso de ser a capital), econômica e com potencial de investimento em fábricas que originariam os clubes (ferrovias, companhias de gás, tecelagem). Na Europa, a revolução industrial e outros períodos de surto industrial, que originaram vários clubes de futebol deu-se além das capitais (que já abrigavam a elite política), como é o caso da Inglaterra (Manchester, Birmingham), Espanha (Barcelona, Valência), Itália (Milão e Turim) e Alemanha (Munique e Dortmund).

Uma hipótese que faz da Colômbia, mesmo sendo bem menor que o Brasil, mas com campeões da Libertadores de cidades que não são a capital, Bogotá, é a de que os Andes – onde está a grande maioria da economia colombiana – dificultam a integração nacional colombiana e com isso o favorecimento à descentralização. O resultado disso é o desenvolvimento de capitais regionais, como Cáli, Medellín, Barranquilla e Cartagena.

Com o desenvolvimento do interior dos Países da América do Sul a tendência é que este quadro mude? Não. Muitas destas novas equipes não possuem torcida e a grande maioria das pessoas levam no coração as equipes das capitais – nacionais ou regionais. Na verdade o futebol do interior corre um sério risco em função da abissal diferença com equipes mais populares, em consequência, mais competitivas.

0 Responses to “Cidades Sul-Americanas do Futebol”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




Esses Dias na História

30 de Abril

1854 – Inauguração da primeira ferrovia do Brasil em seu trecho inicial, ligando o porto de Mauá (atual Guia de Pacobaíba) a Fragoso (atual Magé), no Rio de Janeiro

1912 – Fundação do América Futebol Clube (Belo Horizonte)

1º de Maio

1994 – Grave acidente mata o tricampeão mundial de pilotos de Fórmula 1, Ayrton Senna, durante o GP de San Marino

2 de Maio

1952 – O primeiro avião do tipo jato comercial do mundo, o de Havilland Comet 1, faz seu primeiro voo, de Londres a Joanesburgo

3 de Maio

1921 – Partição da Irlanda: o Ato do Governo da Irlanda de 1920 é aprovado, dividindo a ilha da Irlanda em Irlanda do Norte (Reino Unido) e Irlanda do Sul (República da Irlanda/Eire)

4 de Maio

1949 – Avião que transportava a delegação da equipe de futebol do Torino FC/ITA sofre acidente sem sobreviventes

5 de Maio

1862 – Cinco de Mayo: tropas lideradas por Ignacio Zaragoza impedem uma invasão francesa na “Batalha de Puebla” no México

6 de Maio

1949 – EDSAC, o primeiro computador eletrônico digital com armazenamento de programas, executa sua primeira operação

1994 – Inaugurado o “Eurotúnel”

7 de Maio

1927 – Fundação em Porto Alegre da VARIG (Viação Aérea Rio-Grandense), a primeira companhia aérea brasileira

1948 – Fundação da Viação Cometa

8 de Maio

1846 – Guerra Mexicano-Americana: “Batalha de Palo Alto”: Zachary Taylor derrota uma força mexicana ao norte do rio Grande na primeira grande batalha da guerra

9 de Maio

1386 – Assinada a Aliança Luso-Britânica entre Portugal e Inglaterra, a mais antiga aliança entre nações a vigorar

10 de Maio

1975 – Sony apresenta o gravador de videocassete Betamax no Japão

11 de Maio

912 – Alexandre se torna Imperador do Império Bizantino

12 de Maio

1551 – Fundada em Lima, Peru, a primeira universidade da América, a Universidade Nacional Maior de São Marcos

13 de Maio

1888 – Fundação do Clube Atlético São Paulo (SPAC)

14 de Maio

1948 – Independência e criação do Estado de Israel

15 de Maio

1935 – O Metropolitano de Moscou é aberto ao público

16 de Maio

1929 – 1ª edição dos Óscares da Academia, em Hollywood/EUA

17 de Maio

1909 – Fundação do Paulista Futebol Clube, mais conhecido como “Paulista de Jundiaí” ou “Galo da Japi”

18 de Maio

1991 – A Somalilândia declara sua independência da Somália, mas sem reconhecimento da comunidade internacional

19 de Maio

1905 – Albert Einstein publica sua tese sobre a teoria da relatividade

20 de Maio

1989 – Criação de Palmas, cidade capital do Tocantins

2007 – Romário faz seu milésimo gol como futebolista profissional

21 de Maio

1904 – Fundação da Federação Internacional de Futebol (FIFA)

22 de Maio

1990 – Os líderes do Iêmen do Norte, Ali Abdullah Saleh, e do Iêmen do Sul, Ali Salim al-Baidh, proclamam o nascimento da República do Iêmen, mediante a unificação de ambos os territórios

23 de Maio

***Dia do M.M.D.C.***

1932 – No Brasil, são mortos estudantes paulistas (Miragaia, Martins, Dráusio e Camargo); surge a sigla “MMDC” utilizada como bandeira para um movimento revolucionário que viria em breve

24 de Maio

1822 – Independência do Equador

1866 – Batalha de Tuiuti, da Guerra do Paraguai, entre o exército paraguaio e as forças da Tríplice Aliança

25 de Maio

1810 – “Revolução de Maio”, na Argentina: era o estopim para o processo de independência do país que viria em 9 de Julho de 1816

26 de Maio

2004 – O FC Porto conquista, pela segunda vez, a Liga dos Campeões da Europa

27 de Maio

1703 – O Czar Pedro, o “Grande”, funda a cidade de São Petersburgo

Mundo Virga

Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

Blog Stats

  • 142,780 hits

Virgilio’s Tweets

#CulturaDeRugby


%d blogueiros gostam disto: