Além de Palavras

#300

Em todos os idiomas, toda palavra possui a sua origem e tem um significado. Quando a pronunciamos, no entanto, o homem é capaz de conferir a ela um significado completamente distinto. Quando se conta um fato, por exemplo. Mais ainda quando se vive este fato. Contar estes fatos, ao vivê-los, é uma arte. Processar milhares de informações que estão a disposição em um determinado momento e, no menor espaço de tempo,  transformar tudo isso em palavras, que devem ser ditas o mais rápido possível, para não perder as outras milhares de informações que vêm a seguir, é para poucos. São magos desta arte.

Comecei a admirá-los quando criança, quando ainda passava na TV Cultura, nos sábados à tarde, o programa ‘Grandes Momentos do Esporte’. Tudo bem, o futebol era mais lento, cadenciado, mas a arte de narrar, a mesma. Me encantava com as narrações do Luiz Noriega, quando depois dos gols, ele repetia: “Esporte também é Cultura” (e é isso mesmo, por isso o considero um visionário):

Mas é esta narração que consegue me deixar feliz e infeliz ao mesmo tempo:

Infeliz porque é um passado que não volta e eu não vivi nada daquilo. Porém, muito mais feliz, por que é o XV! Imaginar esses gols sem os relatos de Noriega não teriam absolutamente a mesma graça.

O narrador esportivo lida com a paixão o tempo todo e está sob constante avaliação de milhões de pessoas pelo mundo. É difícil agradar a todos, saber exatamente todas as informações, acertar todos os detalhes. Não, não se agrada a todos os ouvidos, não se sabe exatamente todas as informações e os detalhes passam desapercebidos quando ele deve prestar atenção a milhares de tantos outros detalhes. Vejam só este video, com Grant Fox, minha referência no rúgbi:

Vasculhei pelo YouTube inúmeras narrações, vários bons exemplos que podia citar aqui. Mas todos eles são muito bons! Esqueçam a equipe para quem eles puxam, esqueçam os erros (todos nós erramos), atentem-se aos fatos. Narrador ruim é aquele que não ama o que faz. E narrador bom, não é bom sozinho. Tem que haver um ótimo comentarista e uma grande equipe em campo e fora dele, responsáveis pelo infarto, ou melhor, emoção que você vai sentir em casa, no carro, onde quer que seja. Afinal, você procura o esporte para fugir da rotina, viver a tensão e o conflito entre opostos. Por isso mesmo que eles, os cronistas, são elementos do esporte. Fiquem com Jorge Perestrelo, de Portugal:

Para eles, um tiro-de-meta é muito mais que uma reposição de bola em jogo; uma falta é um crime; um escanteio contra, uma ameaça bélica; uma defesa a favor, digna da máxima condecoração nacional; um cartão amarelo ou vermelho, conspirações; um gol a favor transforma-se em orgasmo. Orgasmo público! E é o esporte talvez o único meio em que você pode demonstrar publicamente suas emoções, sem ser julgado pela sociedade.

Este texto – que por sinal é o número 300 deste blog – é dedicado a eles, no dia em que me tornei habilitado a desempenhar esta função. Estou longe de ser locutor, me especializei nisso para ajudar na minha atuação como comentarista, para, pelo menos, acompanhá-los mais de perto.

1 Response to “Além de Palavras”


  1. 1 Fernando Alonso 15/06/2012 às 3:51 pm

    Vir…sensacional……parabéns pela coluna…….e divido este sentimento contigo…grande abraçooo…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




Virgilio’s Tweets

Esses Dias na História

14 de Agosto

1974 – Nasce Ryan Gracie, grande responsável pela expansão dos negócios da família com academias de Jiu-Jitsu Brasileiro.

15 de Agosto

1823 – Adesão da Província do Grão-Pará ao Império do Brasil.

16 de Agosto

1992 – O inglês Nigel Mansell torna-se campeão mundial de pilotos de Fórmula 1

17 de Agosto

1979 – Fundada a Associação Nacional de Jornais do Brasil, com o objetivo de defender a liberdade de imprensa

18 de Agosto

1964 – A África do Sul é banida dos Jogos Olímpicos pelo COI por não renunciar ao regime de apartheid (política de segregação racial)

19 de Agosto

1981 – Entra no ar o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT).

20 de Agosto

2016 – O Brasil conquista a medalha de ouro no futebol masculino dos Jogos Olímpicos.

21 de Agosto

1991 – Tentativa de golpe na URSS: a junta é dissolvida e Mikhail Gorbachev recupera o poder. O parlamento da Letônia proclama sua independência da URSS.

22 de Agosto

1910 – Anexação da Coreia pelo Japão, o que quase extinguiu a cultura coreana.

23 de Agosto

1987 – O Brasil conquista a medalha de ouro no basquetebol masculino nos Jogos Pan-Americanos.

Blog Stats

  • 144,522 hits

#CulturaDeRugby


%d blogueiros gostam disto: